Quinta, 28 Maio 2015 11:35

Jornais da paróquia

Os jornais da paróquia são tem a missão de informar a comunidade de todas as atividades da comunidade e suas realizações.

Publicado em Uncategorised
Terça, 21 Abril 2015 13:06

Grupos de Oração da RCC

Grupos de Oração da RCC

 

Como expressão da Igreja, o Grupo de Oração, tem recebido do Espírito Santo, a partir da experiência da oração, dons espirituais, e quer levar, através disso, uma valiosa contribuição à ação pastoral de nossa paróquia.

Publicado em Movimento
Terça, 21 Abril 2015 15:58

Apostolado da Oração

Apostolado da Oração

 

Busca contribuir no crescimento e implantação do Reino de Cristo em todos os segmentos da sociedade, cabe, pois, ao Apostolado da Oração apontar o Coração de Jesus como fonte de luz, de Amor, de Vida Eterna a todos os corações sedentos de Deus, de valores eternos.

Publicado em Movimento
Sábado, 07 Março 2015 09:01

Pastoral da Acolhida

Pastoral da Acolhida

Acolhida é uma atitude de relação humana. É a comunicação entre pessoas entrando em sintonia, dialogando, se expressando em gestos, enfim, estabelecendo elos de união com Deus, com os irmãos e o meio ambiente. Atualmente as relações são marcadas por imensas dificuldades, em todos os sentidos.

 

Publicado em Pastoral
Sábado, 07 Março 2015 12:01

Pastoral da Catequese

Pastoral da Catequese

Preocupa-se com a educação da fé do povo. Anuncia e testemunha que Cristo ressuscitou e vive entre nós, orientando crianças, jovens e adultos.

 

Publicado em Pastoral
Sábado, 07 Março 2015 06:00

Pastoral da Comunicação - PASCOM

Pastoral da Comunicação - PASCOM

A Pastoral da Comunicação é o conjunto de ações realizadas dentro de uma  comunidade eclesial. É a pastoral do ser e estar em comunhão com a comunidade. É a pastoral da acolhida, da participação, das inter-relações humanas, da organização solidária e do planejamento democrático do uso de recursos e instrumentos que facilitem o intercâmbio de informações e de manifestações das pessoas no interior da comunidade ou da comunidade para o mundo que o rodeia. É a pastoral da valorização das expressões da cultura humana.

O ponto unificador e central desta pastoral é Jesus Cristo. Jesus se comunica através de parábolas, partindo de fatos da  vida, conhecidos por todos, para transmitir idéias, despertar adesão e provocar transformação da realidade. Existe, sem dúvida, muita dificuldade em se aceitar a existência de uma Pastoral da Comunicação, uma vez que todos os agentes de pastoral, enquanto informam e persuadem, são, por definição, comunicadores. Por outro lado, não é uma pastoral a mais no universo de pastorais de uma paróquia, mas aquela que integra todas as demais.

O modelo da Pastoral da Comunicação é participativo e circular, isto é, a palavra pertence a todos. As suas reuniões se tornam deste modo um espaço de vivência e exercício das relações comunitárias. Pois onde somente uma pessoa domina o conteúdo, o código, o meio, não há comunicação. 

O membro da Pastoral da Comunicação é uma pessoa da qual se espera uma dedicação especial à reflexão, ao planejamento e à execução de programas e projetos específicos dentro dos diversos campos que compõem a área da comunicação social.  Consequentemente, a Pastoral da Comunicação concentra-se em realizar uma educação para a comunicação, em que cada indivíduo, grupo ou comunidade exerça seu direito fundamental à comunicação. E cada membro desta pastoral é o seu principal educador, pois são neles que as outras pessoas esperam encontrar a postura de uma práxis libertadora. 

Concluindo, a Pastoral da Comunicação se caracteriza por ser uma pastoral que possui uma vida integrada, participativa, estratégica e aberta à avaliação e à celebração.Afinal “Jesus é a Palavra de Deus que se fez carne e veio morar no meio de nós (Jo 1,14). Supremo comunicador do Pai, optou por um processo inculturado e dialógico de comunicação, que se apresenta como um modelo básico para os projetos de comunicação de sua Igreja”.

 

Publicado em Pastoral
Sábado, 07 Março 2015 11:59

Pastoral da Criança

Pastoral da Criança

Cuida para que as crianças carentes e desnutridas tenham vida, garantindo-lhes um futuro melhor.

 

Publicado em Pastoral
Sábado, 07 Março 2015 11:53

Pastoral do Dízimo

Pastoral do Dízimo

  • Nós, agentes da pastoral do dízimo, somos responsáveis pela acolhida, assessoria e orientação aos dizimistas na comunidade, o agente é quem vai receber o dizimista, atende-lo , tirar suas dúvidas com relação ao dízimo e como ele está sendo utilizado pela igreja. Também somos responsáveis pela coleta de ofertório na igreja e entradas do dízimo em geral, anotando corretamente em relatório seus respectivos valores.

 
  • Nos coordenadores (Januário e Cícera) temos que estimular os agentes, orientando-os para que eles possam atender cada vez melhor nossos dizimistas, também nos incumbe, a parte de contabilidade, contendo assim atualizações constantes do cadastro e dos valores ofertados individualmente, para que assim o controle possa ser transparente e claro aos dizimistas.
  • Para nós o maior desafio é manter a pastoral motivada para que os agentes não desanimem, mas fiquem unidos para trabalhar em equipe. A pastoral lida  com valores monetários e sempre que uma tarefa envolve dinheiro existe um  certo receio por parte das pessoas, com isso fica muito difícil encontrar novos integrantes. As tarefas são burocráticas  em sua grande parte, é comum o agente se afastar ou se esquecer da parte espiritual e religiosa de sua vida na igreja. Por isso a importância de se estimular e motivar os agentes para que eles não se afastem das suas tarefas nem tão pouco do nosso Senhor.

  • A alegria é  de ver as coisas funcionando graças a nossa parcela de contribuição. É ótimo ver uma equipe unida e trabalhando junta com alegria e harmonia em prol de uma missão importante, saber e sentir que confiança em Deus pode superar nossas limitações e nossos receios, por que o Senhor da a força necessária àqueles que ele escolher.

  • Fizemos amizades dentro da convivência da pastoral, conseguimos vencer limitações pessoais, nos tornamos pessoas mais ativas e desenvoltas, passamos a ter uma integração maior com a comunidade e muitas pessoas até mesmo pessoas que mal conhecíamos, hoje temos uma integração muito maior com a comunidade.

 

Publicado em Pastoral